A RPG como Tratamento para a Escoliose Idiopática

A RPG como Tratamento para a Escoliose Idiopática

Um dos tratamentos mais indicados para a Escoliose é a RPG, técnica agradável e com efeitos positivos. A escoliose é responsável por promover um encurvamento da coluna vertebral no meio ou nos lados. Essa deformidade pode ter diversas origens e independentemente do aspecto físico que parece ser igual em todos os tipos de escoliose, elas podem ter prognósticos bem diferentes. Principais tipos de escoliose: A escoliose pode ser congênita, quando durante o desenvolvimento do feto ou do recém-nascido surge um problema de formação das vértebras ou uma fusão de costelas, nesse caso, um…Read more
Pilates: variedade de exercícios e evolução a cada aula!

Pilates: variedade de exercícios e evolução a cada aula!

O pilates encanta pela variedade de exercícios que pode oferecer. Um mesmo exercício pode ser realizado de diversas formas, em diferentes aparelhos, com os mais variados acessórios, abrindo um leque de variações e graus de dificuldades. Seu corpo está sempre diante de um novo desafio, pois os exercícios variam a cada aula. Você tem um professor exclusivo para você ou para no máximo mais um aluno. Desta forma, consegue-se ter o máximo de atenção quanto à exceção do exercício, pois o instrutor está atento a qualquer descuido na execução, para que este seja…Read more
Escoliose na criança: muito cuidado com a coluna do seu filho!

Escoliose na criança: muito cuidado com a coluna do seu filho!

A escoliose é uma deformidade que afeta a forma tridimensional da coluna vertebral e pode ocorrer em qualquer fase da vida, mas aparece principalmente a partir dos dez anos de idade, com progressão associada ao estirão do crescimento. Assim, a detecção precoce desta patologia aumenta em até três vezes o número de pacientes tratados, diminuindo o percentual dos que necessitam de cirurgia. É importante saber que em escolares com faixa etária em torno dos dez anos, a escoliose, geralmente, ainda não se fixou (escoliose dita não estrutural), sendo por isso mesmo, muito importante o…Read more